Quanto Custa?

Australia Brasil

Intercâmbio e Cursos para Estudar e Trabalhar na Austrália

Sydney

Sydney foi presenteada com um dos mais bonitos portos do mundo e tem uma mistura de belezas naturais e obras produzidas pelo homem.

Sydney, a capital dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2000, foi presenteada com um dos mais bonitos portos do mundo e tem uma mistura de belezas naturais e obras produzidas pelo homem. O coração de Sydney é sua baía, onde os melhores veleiros disputam campeonatos e os visitantes navegam sem compromisso. Este cenário é ótimo para passeios de barco, natação, piqueniques e até pesca. The Rocks é a área mais antiga de Sydney, primeiro local onde os europeus se estabeleceram. Hoje é um ponto histórico, misturando harmoniosamente lojas de estilo colonial, museus, galerias de arte, restaurantes e cafés à beira-mar. Percorra os mercados do The Rocks, caminhe pela Harbour Bridge ou suba até o topo pelas escadas do “Bridge Climb”.

O Circular Quay é o ponto de partida de balsas, trens e ônibus que ligam a cidade aos subúrbios. Ande pela parte leste do Circular Quay e visite a Sydney Opera House, o cartão-postal mais conhecido da Austrália. Faça um passeio por dentro do teatro ou assista a óperas, concertos, peças de teatro ou balés. O centro da cidade atrai visitantes com interesse em compras principalmente para as ruas Castlereagh e Elizabeth.

O glamouroso Queen Victoria Building, um sofisticado shopping center instalado dentro de uma edificação histórica, também é parada obrigatória para os que não voltam para casa sem fazer compras. Ainda uma boa opção é a Pitt Street, uma rua com numerosas lojas e alguns restaurantes.

AMP Tower Centerpoint proporciona uma visão de 360° de Sydney, seja para quem decide comer em um dos restaurantes giratórios ou para quem apenas prefere visitar o ponto de observação da torre.

Darling Harbour é uma região portuária que foi totalmente restaurada e atualmente abriga ótimas opções de entretenimento. Visite o National Maritime Museum, o Powerhouse Museum e o Aquário de Sydney, com sua amostra da Grande Barreira de Corais, que dá a idéia da diversidade da vida marinha australiana. Aprenda sobre a cultura aborígine no Cavala Aboriginal Art and Education Centre. O Cockle Bay Wharf, na Arte e o lindo Jardim Botânico Real.

Praias de Sydney Austrália

Comece pela famosa Bondi e aprecie um dos vários eventos, como a corrida anual City-to-Surf ou uma das coloridas festas do surf. Manly também não pode deixar de ser visitada. Como Bondi, é conhecida pelos brasileiros residentes na cidade e abriga uma grande concentração de jovens em busca de qualidade de vida. É famosa por sua atmosfera descontraída, típica do estilo de vida australiano. Outras praias populares são Nielsen Park, Balmoral e Camp Cove, dentro da baía, ou as praias para surf de Bronte e Coogee, ao sul, e Collaroy e Palm, ao norte.

Sydney Olympic Park

Conheça o local onde os atletas olímpicos ganharam suas medalhas de ouro. Homebush Bay foi a área escolhida para abrigar o Parque Olímpico de Sydney, o Centro Esportivo Estadual, o Parque Bicentenário, o ginásio Super Dome, os Centros Atlético e Aquático, o Estádio Austrália e a Vila Olímpica. Há uma grande variedade de passeios que remontam e exploram a região que concentrou as atrações do mundo durante as olimpíadas de 2000.

Vida Noturna e Entretenimento

A Oxford Street e a Kings Cross oferecem diversão noturna nos bares e boates. Se a opção for um pub, experimente a área histórica de The Rocks ou vá aos bares e restaurantes à beira-mar de Cockle Bay. Visite a parte sul da cidade são as regiões que concentram os cinemas, teatros e concertos.

Jante num dos muitos cruzeiros disponíveis na baia ou tente a sorte no Star City, um cassino 24h em Pyrmont. Ouça um pouco de Jazz ou dance a noite inteira em diversas casas noturnas. Aprecie os musicais, o teatro australiano ou o internacional e não perca a apresentação do Australian Ballet (Balé Australiano), a Sydney Dance Company (Companhia de Dança de Sydney) ou a Aboriginal Bangarra Dance Company (Companhia de Dança Aborígene Bangarra).

Viagens de um Dia

Localizado a 104 km a oeste de Sydney, as Blue Mountains são parte de um platô alto de arenito com vales arborizados, desfiladeiros, cachoeiras e rochedos escarpados. Caminhe pelas vilas Vejas as lindas formações rochosas das Three Sisters. Pegue um bonde ou um trem para uma visão Cavernas Jenolan, a 80 km ao sudoeste de Katoomba, o Jardim Botânico Mt Tomah ou os Pântanos. As montanhas são o paraíso dos amantes das caminhadas, com muitas trilhas escondidas para serem exploradas. O internacionalmente conhecido Hunter Valley Wine Country está localizado a 195 km ao norte de de produção de vinho da Austrália.

A duas horas e meia de carro ao norte de Sydney, está Port Stephens. Divirta-se nas praias de areia branca, pescando ou em expedições para observação de golfinhos. Descubra os coalas em seu habitat natural na Península de Tilligerry. Em Barríngton Tops há florestas tropicais e montanhas. Estendendo-se do Royal National Park até o rio Shoalhaven, as regiões de lllawarra e o Southern Highlands (Planalto Sul) são os locais ideais para passeios tranqüilos e um refúgio para o fim-de-semana.

Outros Locais para Visitar

As Snowy Mountains (Montanhas Nevadas), localizadas a 526 km a oeste de Sydney, abrigam movimentadas estações de esqui como Thredbo, Perisher Blue Mt Selwyn e Charlotte Pass. Funcionam geralmente de junho a outubro. Broken Hill é uma cidade típica do outback australiano (deserto) a 1.244 km a oeste de Sydney. Ela foi construída na época da riqueza das minas de prata. Hoje é o lar de uma colônia de artistas.

Como se locomover em Sydney

  • O Kingsford Smith (aeroporto de Sydney) está a 10 km ao sul da cidade. Os terminais internacionais e domésticos estão a 1,6 km de distância. Os traslados dos dois terminais ao centro da cidade custam A$ 8 com o ônibus do aeroporto, A$ 12 de trem ou A$ 35 de táxi. Tempo: 25 min.
  • Ônibus, trens, monorails e serviços de balsas operam diariamente.
  • O Explorer bus segue uma rota de 28 km e pára nas principais atrações. O visitante pode escolher o seu ponto de ingresso e de saída do ônibus. O preço é de A$ 36 para adultos, A$ 18 para crianças e A$ 85 para famílias.
  • O Sydney Pass é um ingresso que permite o uso ilimitado de ônibus, balsas e trens dentro da cidade, cruzeiros pelo porto, passeios pelo Explorer Bus e pelo ônibus Bondi Explorer. O ingresso para três dias custa AS 85 para adultos, A$ 45 para crianças e A$ 215 para famílias. Há também bilhetes de cinco e sete dias que podem ser utilizados dentro desse período.

O que ver e fazer em Sydney

  • Experimente as famosas ostras de Sydney em um dos muitos cafés próximos ao porto.
  • Faça um piquenique em um dos parques no Parque Nacional de Ku-ring-gai, próximo a Sydney.
  • Passeie pela Sydney Harbour Bridge (ponte que atravessa a baía de Sydney). Se você é corajoso, caminhe até o topo da famosa ‘Coat-hanger’, como é conhecida pelos habitantes da cidade.
  • Veja a cidade de Sydney de helicóptero ou de hidroavião.
  • Alugue uma bicicleta e passeie por Homebush Bay, local da realização da maior parte dos Jogos Olímpicos de Sydney.
  • Aprenda a surfar nas praias de Manly ou Bondi.
  • Pegue uma balsa para Manly e aprecie o peixe com batata-frita na praia.
  • Admire o sol se pondo atrás da cidade na maravilhosa vista do parque de North Head, a 10 minutos do cais de Manly.
  • Aprenda a velejar na Baia de Sydney.

Fonte: Guia Austrália

  • Gerente de Produtos

    Olá Jeisse, as instituições com as quais trabalhamos não oferecem cursos de ballet.

  • Fatima Maiate

    olá, minha filha é interessada em biologia e medicina veterinária, tem algum recurso que oferece algum aprendizado nessa área ?